27/03/2010

Um momento de dúvida


Hail, people. Como faço de vez em quando, dessa vez vou fugir do assunto música. Acordei hoje com a notícia de que o casal Nardoni foi condenado pelo assassinato da Isabela. 31 anos pra ele e 26 pra ela. O caso foi a juri popular que decidiu serem eles os culpados. Existiram muitas evidências de que o casal foi o responsável pelo crime, como também constestações bem argumentadas contra as evidências mostradas.

O que mais complicou o caso é que não houve confissão por parte do casal.
Acredito serem realmente eles os culpados e que a justiça foi feita. Porém, fico aqui pensando: estou baseado no que acredito e no que não tenho provas concretas. E se afinal forem eles inocentes? Será que o tempo fará justiça?

Além da falta de confissão, outro agravante foi a grande exposição da mídia e os ânimos exaltados da população, o que fez com que a situação fosse conduzida de forma muito emocional. Emocional a ponto de levar o advogado de defesa a chorar durante o debate, além do bate-boca totalmente pessoal entre ele e o promotor (o que levou o juiz a repreender os dois).

Continuo achando-os culpados, porém de repente fui tomado pela dúvida: estou certo ou errado? E se eu estiver errado? De qualquer forma, deixo para Deus decidir.


Boa semana pra todos.

Um comentário:

Juliana Pires disse...

É triste saber que o próprio pai matou a filha, mas fico feliz em saber que justiça foi feita.
E a mídia como sempre sensacionalizando, o próximo será o Lindemberg!!!

Beijos